"

Istambul – banho turco

Posted By: tatiana on nov 29, 2011 in Por onde andei, Turquia

Uma experiência imperdível na Turquia é o milenar banho turco. Não sabia muito o que esperar. Imaginava ser saunas e cabines individuais de massagem e esfoliação. Mas na realidade tive a impresão que o banho turco mais parecia uma grande orgia. Antes de entrar, você escolhe o tipo de banho que quer. Tem várias opções, esfoliações com luvas de crina, massagem a seco, massagem otomana com espuma, com azeite, com um massagista, com dois… Você escolhe. Já que estava lá, escolhi o banho completo. Eram duas massagistas e a sessão teria a duração de 45 minutos.

Kit Banho Turco

Me mandaram para um quartinho e pediram para eu tirar toda a roupa e me enrolar em um pano xadrez minúsculo. Logo depois fui direcionada a sala central onde os meus 45 minutos começariam. Quando entrei na sala senti uma preocupação instantânea com os 45 minutos que estavam por vir. Era uma sala redonda, toda de mármore, pé direito alto e toda em arcos. Ao centro, algo como uma mesa de mármore redonda e essa mesa tinha umas 20 mulheres completamente nuas sendo esfregadas e lavadas. Nas laterais da sala, tinha mais ou menos outras 30 mulheres também nuas esperando a sua vez. A sala era bem molhada,  tinha uma água corrente constante e várias bicas com canecas que as mulheres usavam para se enxaguar enquanto esperavam a sua vez no lava-rápido horizontal de mulher. E pra completar, a sala era aquecida a uns 45 graus. Confesso, fiquei com nojo. Bateu um TOC rápido e quase desisto de tudo. Mas já que estava no inferno resolvi abraçar o capeta.

As duas massagistas eram mulheres horrendas, do tipo sem dente, desgrenhadas e um pouco fedidas. Afinal fazia um calor vulcânico lá dentro e as pobres faziam um super esforço na esfregação. Elas eram extremamente doces, apesar de não falarem nada de inglês. Me deitaram na chapa e começaram a me esfregar como se eu tivesse um couro de jacaré. Na realidade, notei que tinha mesmo, nunca vi tanta pele morta saindo de uma pessoa só. Apesar de ser gostoso, não consegui relaxar. Entre os pingos de suor da minha dupla de massagistas e as várias outras bundas sendo esfregadas bem na minha cara na mesma chapa, reduziu a zero qualquer possibilidade de relaxamento.

Depois elas me tiraram da mesa e fomos para o canto, onde eu seria enxaguada para uma nova esfoliação. Me sentaram em um banquinho de mármore, e quando me dei conta que estava sentada totalmente pelada  naquele banquinho de mármore molhado, o mesmo banquinho de milhares de outras sentadas,  provou que nojo não mata. Caso contrário eu já estaria morta. Voltei pra chapa e fui esfregada uma segunda vez e depois de uma última enxaguada me levaram de volta para o quartinho para uma hidratação. Acho que foi esse o momento que comecei a relaxar, apesar de não caber na cama. Quando acabou,  as massagistas agradecerem sorriram e saíram da sala. E eu tive um ataque de riso.

Bom, eu não morri, não adoeci e não peguei nenhuma praga… e a minha pele e cabelos ficaram incrivelmente macios e sedosos por dias. Já estou precisando de outro banho turco…

Informações:

Cagaloglu Hamami

Prof. Kazi Gurkan Cad. 34

Istambul, Turquia

http://www.cagalogluhamami.com.tr/

[Voltar]

Discussion - 21 Comments

  • Angela jan 24, 2012 

    Você pode testar como tudo é uma questão de referencial ? Nos dias de hoje , quanto você não daria por uma esfregação assim , heim ? Beijo

    Responder
    • tatiana jan 24, 2012 

      Daria meu peito esquerdo.. rs

      Responder
  • Romão Passini jan 27, 2012 

    estou curioso e ao mesmo tempo com inveja.
    Vou colocar Istambul na minha lista de viagens.
    Aproveite.
    roma (direto de Maringá-PR)

    Responder
    • tatiana jan 28, 2012 

      Coloque mesmo porque é um destino imperdível!
      Obrigada!

      bjs

      Responder
  • Alexandre Imanishi fev 24, 2012 

    Quase morri de rir tentando te imaginar sentada pelada no banquinho e morrendo de nojo….

    Responder
    • tatiana fev 25, 2012 

      hahahahahaha! foi tenso!

      Responder
  • Isaura Mctaggart abr 05, 2012 

    I wanted to thank you once again for this amazing web page you have built here. It truly is full of ideas for those who are really interested in this subject, especially this very post. You really are all amazingly sweet and also thoughtful of others in addition to the fact that reading your website posts is a fantastic delight in my opinion. And such a generous gift! Dan and I really have enjoyment making use of your suggestions in what we should do in a few weeks. Our record is a kilometer long which means your tips will certainly be put to excellent use.

    Responder
    • tatiana abr 05, 2012 

      Hello Isaura! Thank you for following Motto Slow Travel!

      I appreciate you taking your time to write me a comment.

      Your words made me extremely happy. That’s my main objective: have a positive impact on people’s lives and be able to inspire them to live life in a slow, joyously, serenely and divinely way. A little pretentious, maybe idealistic, but why not!?

      So when I read your comment, I feel that perhaps this is possible!

      Thank you again for your sweet words… you made my day! ; )

      Tatiana Perim

      Responder
  • URL abr 13, 2012 

    I like this internet site because so considerably beneficial stuff on here : D. 492201

    Responder
  • Lieselotte Woolen mai 10, 2012 

    It will be terrific to have it )

    Responder
    • tatiana mai 10, 2012 

      Hi Lieselotte, you will love it ; )

      Thanks for reading it!

      Tatiana

      Responder
  • Heart Beats Jazz Bar mai 13, 2012 

    I’m impressed, I must say. Actually rarely do I encounter a weblog that’s both educative and entertaining, and let me inform you, you have got hit the nail on the head. Your concept is outstanding; the issue is one thing that not sufficient individuals are speaking intelligently about. I am very joyful that I stumbled across this in my search for one thing regarding this.

    Responder
    • tatiana mai 13, 2012 

      Thank you!

      Responder
  • Raymon Polakowski mai 20, 2012 

    Thanks. Using wordpress now and this has helped alot!

    Responder
  • kurt rambis coach jun 04, 2012 

    Where will the ride take you?

    Responder
    • tatiana jun 14, 2012 

      Where the wind blows ; )

      Responder
  • Travel 76 jul 04, 2012 

    Olá Tatiana. Parabéns pelo blog! Está fantástico! Sou português, com viagem marcada para a Turquia em Agosto. Passarei 14 dias por entre Istambul, Izmir, Epheso, Pamukkale, Antalya e Capadócia. Não sou daqueles que gostam de fazer circuito por agência. Gosto de estar à vontade pelo que nada tenho marcado. Foi fácil para ti deslocares-te na Turquia, sobretudo para a Capadócia? Ouvi falar em bons autocarros nocturnos. Experimentaste? Agradeço quaisquer dicas que tenhas.
    Mais uma vez, parabéns pelo blog!

    Responder
    • tatiana jul 07, 2012 

      Oi Sergio!

      Obrigada pela mensagem!

      Você vai adorar a Turquia. É bem fácil de viajar por lá, tudo bem organizado e acessível. Não acho que vai precisar montar a viagem via agência, você pode facilmente fazer por conta. Só recomendo marcar com uma certa antecedência o passeio de balão na Capadócia (se for fazer).

      Não experimentei o autocarro noturno. Na Capadócia foi o único lugar onde contratei um guia para me mostrar a região. Queria uma explicação detalhada sobre a história, as cidades subterrâneas e a topografia da área. Talvez seja uma boa um guia apenas para a Capadócia.

      Já Istambul, Pamukkale, Epheso, Izmir, Konya e Bursa fiz por conta. Aluguei um carro com GPS e me guiei pelo Lonely Planet.

      Aproveite!

      Se precisar de mais alguma informação é só avisar!

      Tatiana

      Responder
  • Marco Aurelio out 19, 2012 

    A minha impressão neste banho, foi que eu nunca tinha tomado banho na minha vida… pois ali você é esfregado de todas as formas e todos os lugares… mas realmente é uma experiência que não se poder perder nesta vida. No caso do banho masculino também era um homem gigante parecendo ser das cavernas, que te assusta e você se sente minusculo.

    Responder
  • Jonathan A fev 13, 2014 

    Meu Deus, que experiência horrível! Hahaha. Deve ter sido muito tenso mesmo, impossível relaxar, eu ficaria totalmente aflito pensando em toda aquela sujeira dos corpos, uuuh! Mas, viagens tem dessas coisas.

    Responder
    • tatiana fev 16, 2014 

      Pois é Jonathan, viagem tem dessas coisas e muito mais. É justamente isso que faz viajar ser uma experiência tão gratificante e enriquecedora. Claro, se estivermos abertos para experiências diferentes.
      Nesse caso, foi mesmo aflitivo, mas eu faria de novo… só pelas risadas. Valeu muito, ri de chorar depois disso tudo!

      A Turquia é demais!

      Tatiana Perim

      Responder

leave a comment

Instagr.am